Rio Pojuca

 Rodeado por reservas de manguezais, entre resquícios de mata ciliar, o Rio Pojuca é uma das divisórias naturais da Praia do Forte. Suas águas, ora calmas, ora de fortes corredeiras, são propícias para banhos relaxantes e para a prática do rafting. Reservatório natural de peixes, o Pojuca é indicado para a pesca de bagre, xaréu, peixe espada, robalo e caranha, além de camarões e pitus. Ainda hoje, os pescadores locais utilizam técnicas tradicionais, como os “jiquis” – artefatos de cipó – especialmente em Sete Pontes, onde as pontes de madeiras são o ponto preferido dos nativos para a coleta do pescado nos “jiquis”. Deste ponto é possível contemplar, também, as corredeiras selvagens do rio. Os passeios de barco partem da foz do Pojuca, e seguem rio acima até às famosas corredeiras. É imprescindível o uso de coletes salva-vidas. Se preferir, pode seguir a pé por trilhas em meio à mata.
 

Bahia.com.br
Copyleft 2017