Dicas

Dicas para quem deseja aprender mais e jogar melhor uma partida de golfe.

Aquecimento
Antes de jogar, é aconselhável alongar os músculos, para minimizar as chances de você se machucar e de errar as tacadas. Os profissionais se preparam para o jogo fazendo um bom aquecimento. Isso inclui alongamentos antes e depois de sair de casa. Eles se aquecem no driving range durante uma hora e depois fazem putts e chips durante cerca de 30 minutos. Aí vão algumas dicas para aquecimento: 1) Coloque um taco atrás das costas e prenda a haste com os braços na altura dos cotovelos; 2) Flexione o corpo fazendo os ombros girarem completamente; 3) movimente os pés e as pernas como se estivessem batendo na bola; 4) Agora segure o taco com as mãos e abaixe-o por trás das costas até embaixo da cintura. Com as mãos o mais afastado possível, levante o taco mantendo os braços retos; 5) Faça algumas rotações com o ombro e você sentirá que seu torso se alongará, especialmente a parte superior das costas e ombros; 6) Mantenha os pés móveis e alongue a barriga da perna e as coxas, mas não force seus músculos nem os alongue violentamente.

Tacada de Saída
Muitos golfistas de fim de semana acham difícil usar tacos de madeira porque cometem o erro de fazer o address da bola como se estivessem usando um ferro. Em outras palavras, a bola está muito para trás do stance e há demasiado peso sobre o pé esquerdo. Com esses tacos de haste tão longa, essa posição inicial induzirá um backswing muito fechado e até mesmo um pivô reverso. O resultado é a inconsistência com os tacos de madeira. Num minuto você estará dando um sky na bola e, no seguinte, poderá estar dando um top, um hook ou um slice. Tente desenvolver um movimento de varredura baixo, ao jogar com madeiras. Para isso, você deve abrir um pouco o stance e colocar a bola em oposição ao calcanhar esquerdo. Dois terços do peso do seu corpo devem estar sobre o seu pé direito. Posicione a bola no tee, de modo que a sua metade superior esteja acima da cabeça do taco, batendo assim na bola quando o taco estiver começando a subir. Se você tende a afastar a face do taco no início do swing, não apóie o taco no chão na posição inicial. O taco deve estar acima do chão e atrás da bola, o que induzirá uma saída muito mais suave e rasa. É normal ficar nervosono primeiro tee, pois você está mais preocupado com o que os outros pensam de você do que concentrado na tarefa a cumprir. Jogadores de todos os níveis sofrem um pouco de nervosismo no primeiro tee e é bom ficar nervoso, pois isso mostra que você está envolvido.

Bola em Aclives
Ao jogar em aclives é importante lembrar que a bola voará alto e para a esquerda. Portanto, devem-se fazer as devidas compensações na preparação. Comece escolhendo um taco com menor inclinação. A face do taco deve estar voltada para a direita, pois o movimento das pernas será restrito e as mãos terão de compensá-lo para que a cabeça do taco fique reta no impacto. Quanto mais abrupto for o aclive, mais o movimento das pernas é restringido e, conseqüentemente, a bola vai se desviar ainda mais da direita para a esquerda no ar. Os procedimentos básicos para o aclive são os seguintes: 1) posicione a bola um pouco mais adiante no stance e coloque os ombros paralelos ao aclive; 2) Assim, o peso se concentra na parte inferior da perna e, para compensar, é importante que você se esforce para levar o peso do corpo para frente no downswing. Em seguida, alinhe o corpo, de modo a ficar voltado para a direita do alvo, mas perpendicular à face do taco; 3) Concentre-se em um swing bonito e rítmico, pois é muito fácil dar uma tacada muito forte.

Bola em Declives
Quando se está num declive, a bola deve ser jogada "ao contrário" da bola no aclive. O declive eliminará a inclinação do taco e este baterá na bola mais embaixo. Como o backswing é bastante vertical, a probabilidade é que a bola vá da esquerda para a direita no vôo; portanto, isso precisa ser compensado na posição inicial. Os procedimentos são os seguintes: 1) a face do taco deve apontar para a esquerda e a bola deve ficar mais atrás no stance; 2) Como no aclive, os ombros devem ficar paralelos à escarpa e, novamente, o peso deve estar de preferência na parte inferior da perna; 3) No momento do impacto, tente seguir a bola e deixe que seu taco "corra" declive abaixo.

Jogo Contra o Vento
Muitos golfistas amadores têm dificuldades para darem tacadas contra o vento. Uma das frases favoritas de Tom Watson é: "Faça um swing com facilidade, balance com a brisa", mas é claro que isso só pode ser feito com a técnica correta. Para jogar contra o vento, não é preciso bater com muita força. Um erro comum é o jogador posicionar a bola muito longe no stance, quase oposta ao pé direito. Isso somente induz o golfista a levantar ainda mais o taco e a tacada sai prensada para a direita. Procedimentos: 1) É bom que a bola esteja posicionada um pouquinho para trás (ou para a direita) do centro do stance. Em seguida, pressione um pouco mais o grip. Isso lhe dá mais gás e ajuda a encurtar o swing. Cerca de dois terçoes do peso de seu corpo devem estar no lado esquerdo na posição inicial – e ali devem ficar durante todo o swing. 2) Agora, faça um confortável três quartos de backswing. 3) Concentre-se em um follow-through limitado, de três quartos. Recomenda-se manter as mãos leves durante o swing, para reduzir o impulso de bater na bola com muita força.

 

Bahia.com.br
Copyleft 2019