Banho da Paixão

Com a proximidade do feriado da Paixão de Cristo, na Sexta-Feira Santa, moradores de Olivença e Milagres, em Ilhéus, encenam rituais de proteção e fé, apoiados no poder sagrado das águas. Homens e mulheres, imbuídos de fé católica e fundamentados em mitos religiosos, se revezam, nos turnos matutino (mulher) e vespertino (homem), em mergulhos e nados nas praias das citadas localidades, fiados na crença de que mal algum se abaterá sobre eles durante o ano inteiro.

A origem do costume é discutida, mas sabe-se que a popularidade dos banhos da paixão remonta ao lazer de tribos indígenas e povos africanos.
 

Bahia.com.br
Copyleft 2019